Gramado e Canela

Gostou? Compartilhe este texto:
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •  

Conhecendo Gramado e Canela

Portal em Gramado e CanelaA cidade de Gramado e Canela foram consideradas, segundo o Tripadvisor, as cidades mais visitadas pelos turistas no ano passado.

Pela alta frequência de buscas em meu site, acredito que seja realmente o forte destino do brasileiro.

Por estar na serra e no sul do país, muita gente pensa nessas cidades quando chega o inverno e faz sentido: Já que não temos muitas cidades frias para curtir um friozinho, essas duas caem como uma luva e para completar, a gastronomia da cidade é voltada para o frio: sequências maravilhosas de fondue, chocolatarias com chocolates quentes, rodízio de galeto que oferecem capeletti em brodo, além dos diversos locais com café colonial na cidade.

Como chegar em Gramado e Canela

As cidades se encontram na Serra gaúcha, no estado de Rio Grande do Sul.
Se você não se encontra perto, o jeito mais fácil é pegar um voo até Porto Alegre e de lá alugar um carro ou pegar um ônibus.
O ônibus sai do próprio aeroporto e é bem confortável (foi a nossa opção).

Os atrativos e o calendário de Gramado e Canela

Gramado-e-Canela-13gen2015-02Gramado e Canela vivem de turismo e, para sobreviver, eles inventaram diversas artimanhas para fazer com que o turista apareça nas duas cidades o ano todo, mesmo no verão!

Primeiro, as duas cidades oferecem diversos parques temáticos como o Mini Mundo, o SnowLand, o Dreamland, Hollywood Dream Cars, Aldeia do Papai Noel, Mundo de Chocolate e muitos outros (não fomos em nenhum. Não faz o nosso gênero – rs).

Segundo, eles mudaram um pouco o calendário e começaram a fazer eventos fora do festival de inverno (que ocorre de junho a setembro).

No final de ano, por exemplo, eles comemoram o Natal Luz (que ocorre de novembro a janeiro) e a cidade fica lotada em um período de tempo superior a 2 mês (fomos em 2015 e o Natal Luz acabou no dia 11 de janeiro); durante a Páscoa ocorre o Chocofest e eles aproveitam para fazer a festa de Páscoa (que ocorre nos 2 finais de semana antes da Páscoa até o final no feriado de Páscoa).

Com isso, não é difícil entender que o público acabe curtindo Gramado e Canela o ano todo e, muitas vezes, tentando fugir das caras altas temporadas.

Mas, entre Gramado e Canela, onde ficar?

Eu coloquei alguns prós e contras que usei para tomar a minha decisão. Acabei ficando em Canela e, dentre vários motivos, elenquei o fato da hospedagem na cidade ser mais em conta. Quem tem carro, ainda pode aproveitar as cidades de campo vizinhas (há várias opções de pousadas). Ficamos na pousada Blumenberg e gostamos.

E onde comer em Gramado e Canela?

Gramado e Canela não são baratas. Você pode sim achar algum buffet por quilo a um preço razoável, mas a qualidade não será grande coisa.

Nós queríamos sim economizar, mas também queríamos comer bem.
Enquanto pesquisava hotéis pela cidade, peguei amizade com a Janaína do Gardênia.
Não nos hospedamos lá (estava cheio) mas pegamos amizade e ela nos ajudou muito, inclusive com dicas de restaurantes. Ela ficou com o nosso número de whatsapp e constantemente nos perguntava o que estávamos fazendo e nos passando dicas! Ela não apenas nos dizia: “Vá para tal restaurante” como também chegou a ligar para que um deles nos buscasse de carro? Ela é show! rs

Mas voltando, na cidade comemos massa, fondue (claro), galeto (rodízios), cerveja artesanal e lanche. Segue os posts abaixo (com elogios e críticas)

Restaurante em Gramado e Canela

Sequência de Fondue no St. Gallen

Rodízio de Galeto no Nonno Mio

Rodízio de Galeto no Casa di Paolo

Cerveja artesanal no Taberna MF Resto Beer

E o que fazer em Gramado e Canela?

Um dos links que irei inserir abaixo, você verá que fomos para a cidade com nosso bebê recém-nascido (ele tinha quase 4 meses). Por causa disso, praticamente não fizemos nada de turístico na cidade.
Mas por sorte, a Lù do Let’s Fly Away foi para lá e escreveu sobre o que fazer na cidade:

O que fazer em Gramado

E por fim como foi visitar Gramado e Canela com um bebê?

O Leo e eu em Gramado e CanelaEu tinha muito receio sim! A pediatra dele não aconselhou (e disse que teríamos que ficar uns 15 dias na cidade para que ele não estranhasse – o que não fizemos – rs), mas fomos mesmo assim (estávamos para perder milhas).

Hoje posso afirmar que não foi uma viagem difícil (escrevo este texto após ter feito outras viagens mais longas), mas que viajar com bebê recém-nascido é muito mais fácil do que viajar com um bebê maior.
Na época ele apenas se alimentava com leite do peito e, com isso, não nos deu trabalho algum. Dormia bastante e em horários irregulares, o que nos permitiu sair também a noite (hoje, 1 ano e meio depois, não daria certo; iria atrapalha todo o sono dele).

Fiz alguns relatos sobre essa (e outras experiências com meu filhote)


Gostou? Compartilhe este texto:
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •  

Antes de viajar, não se esqueça de fazer o seu seguro viagem conosco. Use o cupom TURISTANDOIN5 e receba 5% de desconto. Aproveite e faça a reserva de hotel e do aluguel de carro conosco. Se quiser, entre em contato conosco. Fazemos todas as reservas de tua viagem gratuitamente.