O Museu Pérgamo em Berlim.

O Museu Pérgamo em Berlim.
  • pinit fg en rect gray 20 O Museu Pérgamo em Berlim.

O Museu Pérgamo em Berlim

01 Pergamonaltar Kopie 02 O Museu Pérgamo em Berlim.
O Altar de Pérgamo (foto do site oficial)

O Museu Pérgamo (Pergamon museum – Museu Pergamon) talvez seja o maior museu da ilha dos museus em Berlim e até mesmo o mais interessante e importante.

Entretanto, os visitantes atualmente só podem visitar pouco mais de um terço dele, devido a reformas no prédio, que se estenderão até 2019.

O prédio não é um atrativo em si,  com exceção de uma sala, a número 11, em que procuraram reconstruir um pouco uma sala de templo assírio,  na cor da parede e nos desenhos acima.

Na verdade, o prédio chega a ser um tanto defasado, uma vez que só tem banheiro no térreo, que a entrada fica facilmente desorganizada. Eu espero que a enorme reforma que está sendo feita melhore estes aspectos.

  • Accessibilidade no Museu Pérgamo

O ponto positivo é que eles adaptaram o museu para cadeirantes, idosos e mamães com carrinhos de bebê. Há uma rampa na entrada e elevadores de serviço disponíveis a quem necessita.
No entanto, você precisa pedir para o pessoal da segurança chamar o elevador (que fica escondido). A segurança fala bem pouco inglês, mas dizer palavras como “lift” e “elevator” ajuda bastante.  Aconselho pegar o mapa do museu para ver onde fica o elevador.

Circulando pelo Museu Pérgamo

Pergamon 26dic2015 40 683x1024 O Museu Pérgamo em Berlim.
A réplica do Código de Hamurabi

O museu tem 2 andares (pelo menos é o que mostra no mapa do museu que eles entregam na entrada).

O térreo talvez hospede alguma mostra temporária ou alguma sala que está em reforma, mas é o andar que você retirará o áudio guia (incluso no preço do bilhete), colocará suas coisas no guarda volumes (locker) ou deixará sua jaqueta na chapelaria ou irá ao banheiro.
Todo serviço é gratuito (alguns locais cobram a entrada ao banheiro), mas para usar o locker, você precisará usar uma moedinha de 1€ para poder retirar a chave (mas que é restituída).

No primeiro andar se encontra o Portão do mercado de Mileto, a reconstrução da Porta de Ishtar em Babilônia e o corredor para a Babilônia, além de diversas peças de antiguidade. Creio que o altar de Pérgamo esteja neste andar.

O segundo andar corresponde à arte Islâmica e, além da fachada do palácio de Mshatta, é neste andar que se encontra a sala em Allepo.

  • Conhecendo o Museu Pérgamo

O nome do museu decorre da principal peça de seu acervo, o “Altar de Pérgamo“, que infelizmente está na parte fechada para a reforma e atualmente não pode ser visitada. Pelo que li, trata-se de um enorme monumento, de mais de trinta metros, produzido na Grécia antiga, repleta de relevos com o tema de lutas entre gigantes e deuses.

Entretanto, apesar de todos esses pesares, a visita ao museu de Pérgamo vale muitíssimo a pena! Apesar de estar desfalcado de sua principal peça, o acervo do museu é excepcional!
Sozinhas, duas peças grandiosas e incríveis já valem a visita.

A primeira delas é a “Porta Ishtar“,  um incrível objeto arqueológico encontrado por Robert Koldewey no início do século passado em uma área que hoje pertence ao Iraque.

Trata-se de uma das 8 portas da cidade da Babilônia, cujo poder e riqueza ficam evidentes pela grandeza e pelo luxo da porta.

Formada por peças amarelas e azuis, a porta tem 14 metros de altura e 30 metros de largura e é decorada com os animais sagrados da Babilônia como o Leão de Ishtar, o Dragão de Marduk e o Touro de Adad.

Ela é antecedida por um longo corredor construído com o mesmo material chamado Corredor para a Babilônia (ou Via Processional da Babilônia). Antes de entrar na cidade, o visitante atravessava este corredor capaz de despertar fascínio e intimidação. O conjunto é apresentado também em  maquetes (que se encontra no meio deste corredor).

Ao atravessar a porta da cidade (Ishtar), o visitante do museu chega imediatamente à segunda grande peça a que me referi acima: A porta do mercado de Mileto.

01 mercato di mileto O Museu Pérgamo em Berlim.
O mercado de Mileto (foto do site oficial)

Encontrado no início do século passado por Theodor Wiegand, o enorme portão construído na Grécia antiga (e bastante danificado por um terremoto séculos depois) teve que ser montado com a ajuda de peças novas. Ainda assim, há muito da maravilhosa construção antiga, e o visitante pode contemplar um momento alto da arquitetura antiga com suas colunas, capiteis e frontões.

Nesta mesma sala se encontra o Hall de Trajano, com alguns objetos da antiguidade romana e, entre o mercado de Mileto e o hall de Trajano, há um lindo mosaico reconstituído.

Estes dois itens justificariam sozinhos a visita ao Museu Pérgamo, mas há mais.

O museu abriga parte da coleção de antiguidades clássicas  (Antikensammlung Berlin), a coleção de arte islâmica (Museum für islamische Kunst) e a  coleção de arte do oriente médio (Vorderasiatisches Museum).

No primeiro andar encontramos a coleção de arte do oriente médio, com  várias peças incríveis, como esculturas de divindades babilônicas colocadas em portas (fotos acima), adornos em baixo e alto relevo, maquete da torre de Babel e uma réplica do Código de Hamurabi.

  • O segundo andar:  coleção de arte islâmica

Destaques (fotos do site do museu):

O segundo andar contém a coleção de arte islâmica com bonitas obras de tapeçaria, azulejaria e trabalhos em madeira do oriente médio e islâmicas. Destaque para os Mirabes (Mihrab), os nincho semi-circular de uma mesquita que serve para indicar a direção da cidade de Meca, isto é, para onde os mulçumanos devem se virar para fazerem suas orações.

Há também a reconstrução de uma linda sala com painéis coloridos de madeira e que servia para reunião de comerciantes ricos em Allepo (cidade síria seriamente afetada pela guerra atual) no século XVII. O local é protegido por paredes de vidros e temos apenas um pequeno espaço para apreciar o local (o que me impossibilitou de fotografar).

Imperdível é também a fachada do palácio de Mshatta, construído no século VIII onde hoje é a Jordânia. Sua estrutura de pedra tem 45 metros e é decorada com relevos e fez parte do palácio Qasr Mshatta.

Enfim, a visita ao Pergamon é obrigatória para quem gosta  de antiguidades.

Veja nossas fotos no Flickr

 

  • O que ocorreu com o museu do Pérgamo  durante a guerra?

O prédio Pérgamo foi bastante danificado durante o ataque aéreo de Berlim. Muitas de suas peças foram armazenadas em locais seguros e peças maiores receberam a proteção de um muro. Alguns desses locais de armazenamento se localizam na Rússia e muitos destes objetos não foram até hoje devolvidos.

  • Os museus da Ilha do Museu (Museumsinsel)

A ilha dos museus é uma pequena ilha sobre o rio Sprea, presente no centro de Berlim e que recebe em uma das pontas 5 museus importantes da cidade:

Além da ilha, Berlim està repleta de museus. Por questao de tempo, visitamos apenas a melhor galeria de arte da cidade:

Informações básicas:

Como chegar:  O Museu do Pérgamo  fica na ilha dos museus, perto da Berliner Dom e da Under den Linten.

berlin Pergamonmuseum mapa2 O Museu Pérgamo em Berlim.

Endereço: Bodestraße 1-3, 10178 Berlin, Alemanha

A estação mais próxima pode ser a de Friedrichstraße (linhas U6, S1 S2 S5 S7 S25 S75) e a Hackescher Markt (S5 S7 S75). Outra opção pode ser descer na AlexanderPlatz (U2) e trocar para a linha (S5 S7 S75) e descer em Hackescher Markt ou ir andando.

Preço: € 12 e o  ingresso fura-fila pode ser comprado através deste link e é válido para um dia.
Você também pode comprar o “Passe dos Museus da Ilha” (Museum Island all exhibitions), através deste link. Este bilhete te dá acesso a todos os museus da ilha dos Museus.

Outra opção é comprar o  “Museum Pass Berlin”que, além do Museu Pérgamo, dá acesso também a dezenas de outros museus durante 3 dias consecutivos .

Horário: Todos os dias das 10:00 às 18:00; Quinta feira fica aberto até às 20hs. Em caso de feriado, visitar o site.

O altar de Pérgamo permanecerá fechado até 2019. Após essa data, se mal me engano será a vez do mercado de Mileto entrar em reforma.

Portão de entrada: Por conta da reforma, a entrada do museu se encontra do lado interno, entre o Neues Museum e o AlteNational Gallery.

Site do Museu e page do FB


Salve este post dentro do Pinterest para ler depois e siga nosso perfil!
🙂

 cc35b87127cc77d3ec5b3c0e14e356a4 O Museu Pérgamo em Berlim.

pinit fg en rect red 28 O Museu Pérgamo em Berlim.

Compartilhe:
  •  
  •  
  • 77
  •  
  •  
  •  
 

Planeje a tua viagem conosco

Clicando nas imagens abaixo, você encontra preços especiais e ainda ajuda o blog sem gastar nada!

About Juliana (www.turistando.in)

Sou a mãe do Léo quase full-time, professora de italiano (por algumas horinhas), esposa de um doutorando (que me deixa maluca) e, claro, a faz-tudo do Turistando.in!

17 thoughts on “O Museu Pérgamo em Berlim.

  1. Acabei não entrando nos museus da ilha dos museus. Priorizei visitar os museus sobre a guerra. Berlim tem uma infinidade de museus interessantes, adorei explorar a cidade.

  2. Po, depois de ler esse relato tão completo da ate vontade de ir para Alemanha conhecer, ja cheguei perto da Alemanha, mas na proxima estara no roteiro. Parabens pelo post

  3. Que museu espetacular!!! Quando fui a Berlin, ele não tinha me conquistado, tanto que acabei indo a outros museus e deixei esse para trás… Mas vendo teu post agora, me bateu um arrependimento!!! Preciso voltar para conhecê-lo!!!

Gostou? Tem dúvidas? Nos deixe uma mensagem: