Bate e Volta de Santiago: Arte de rua em Valparaiso

Bate e Volta de Santiago: Arte de rua em Valparaiso
Compartilhe este post:

Bate e Volta de Santiago: Valparaiso, a cidade colorida de artistas

Que tal fazer um bate e volta de Santiago e apreciar um pouco de arte de rua em Valparaiso, a cidade colorida dos artistas? Nós ficamos 2 noites na cidade, hospedados no Hotel Da Vinci e aproveitamos para visitar algumas vinícolas de Casablanca, e, obviamente, conhecer a cidade. Aqui não mostrarei exatamente o que fazer em Valparaiso, mas onde encontrar os grafites da cidade de Valparaiso.

A cidade de Valparaiso

Arte na Rua Valparaiso Chile Turistando.in 05 166x250 Bate e Volta de Santiago: Arte de rua em ValparaisoEm um primeiro momento, Valparaiso não me encantou. Trânsito caótico no centrinho, ruas escuras no centro baixo, tempo fechado.  Suas subidas e descidas.
Chegamos na cidade com fome e acabamos entrando no primeiro restaurante que encontramos.
Na saída começamos a circular pela cidade e a cor cinza daquele dia nublado não me agradou.

Meu ponto de vista modificou a noite. Íamos jantar no restaurante do hotel, mas descobrimos na hora que eles fechavam às 18hs no inverno. Com isso, nos indicaram subir a rua e caminhar pelo bairro do Monte Alegre, um bairro com vários bares e restaurantes.
O clima era outro. A cor cinza do dia deu a vez para o preto da noite e realçou o colorido das casas. A simpatia dos portenhos (gentílico da cidade), misturado com aquele novo ar me vez ver a cidade com outros olhos e a gostar dela!

Procurando arte de rua em Valparaiso

Você não precisa sofrer muito para achar alguma arte de rua em Valparaiso. Todo canto da cidade você encontra um pouco de arte de rua. A cidade foi feita em montanha e com isso, há muitas escadarias pela cidade. Não me lembro de nenhuma escadaria sem um pouco de arte em seus degraus. A maioria dos grafites abaixo fizemos circulando pela parte arte do bairro central (destacando o Monte Alegre)

O mesmo vale para as paredes das casas. Elas normalmente são coloridas, mas em muitas delas encontramos grafite. Vimos grafites também na parte superior de alguns edifícios. Ao ver, nos pareceu um grafite feito para ser visto do mirante que estávamos (foto abaixo).

Arte na Rua Valparaiso Chile Turistando.in 06 650x288 Bate e Volta de Santiago: Arte de rua em Valparaiso

 

  • Museu em céu aberto

Arte na Rua Valparaiso Chile Turistando.in 25 376x250 Bate e Volta de Santiago: Arte de rua em ValparaisoNo entanto, se você quer apreciar um pouco mais de arte de rua em Valparaiso, terá que ir atrás do que eles chamam de: “Museo a cielo abierto”, isto é museu a céu aberto.

 

Eu não sou expert em street art, mas sei que elas não são eternas, o que pode ser uma pena.
Descobri isso em Berlim, quando procurava alguns grafites que havia visto em um blog. Os grafites vão e vem e o mesmo ocorre com a arte de rua em Valparaiso.

O que eu vi ano passado provavelmente não será o mesmo que você verá em tua viagem. Por isso, não fique triste caso não encontrar alguma arte. Pode ser que ela tenha sido apagada e em cima, outra está brilhando.

Para chegar mais perto da entrada do tal “museu em céu aberto”, pegamos o tal Trolebus verde, que passa por diversos pontos turísticos da cidade. Nossa ideia era pegar algum dos funiculares, mas para o nosso azar, mais da metade estava parado para conserto!

Com isso, Léo no colo, fomos andando!

Como ir para Valparaiso por conta própria a partir de Santiago do Chile?

É possível sim ir para Valparaiso por conta própria a partir de Santiago. É, claro, a forma mais barata. Fomos até a estação Pajaritos e compramos na hora uma passagem da Pullman Bus; tínhamos também a opção da Turbus. Ali você pode escolher ir para Valpo ou para Viña.

mapa valparaiso 1 Bate e Volta de Santiago: Arte de rua em Valparaiso

A rodoviária de Valpo fica do lado oposto ao centro da cidade (perto da estação Puerto). É dela também que partem os ônibus para Casablanca.

Para ir até o centro, aconselho pegar o Trolebus Antigo ou ir caminhando até a estação de metrô.  Se você vem de Viña del Mar, pegue na cidade o metrô e desça na estação mais próxima ao teu hotel (caso se hospede na cidade) ou vá até Puerto e faça o restante a pé.

Arte na Rua Valparaiso Chile Turistando.in 10 376x250 Bate e Volta de Santiago: Arte de rua em Valparaiso


Também participaram desta Blogagem Coletiva:

Destinos por onde andei…Beco do Batman e a arte de rua em São Paulo; Ligado em Viagem5 cidades pelo mundo para ver o melhor da Street ArtViagem Lado BOnde ver o melhor da Street Art em SP, Londres e Berlim; Tá indo pra onde?Graffity Alley – o melhor lugar em Toronto para quem curte street artVem que te Conto!Conhecendo o Porto Maravilha (Boulevard Olímpico) RJ; Um Olhar NovoStreet Art entre Santa Apolônia e a Graça; Cantinho de NáStreet Art em 7 cidades pelo mundo; Contando DestinosStreet Art em Moscou: A bailarina de Eduardo KobraLet’s Fly Away4 super cidades com street art na América do Sul; guia&turismoA arte toma conta das ruas de Barra do Jucu


Aproveite e siga o Turistando.in nas redes sociais e clique no círculo abaixo para salvar este post no Pinterest:

pinterest e social 2 Bate e Volta de Santiago: Arte de rua em Valparaiso

Pin do Pinterest

pinit fg en rect red 28 Bate e Volta de Santiago: Arte de rua em Valparaiso

Compartilhe este post:

Planeje a tua viagem conosco

Clicando nas imagens abaixo, você encontra preços especiais e ainda ajuda o blog sem gastar nada!

About Juliana (www.turistando.in)

Sou a mãe do Léo quase full-time, professora de italiano (por algumas horinhas), esposa de um doutorando (que me deixa maluca) e, claro, a faz-tudo do Turistando.in!

30 thoughts on “Bate e Volta de Santiago: Arte de rua em Valparaiso

  1. Eu adorei caminhar e me perder pelas ruas de Valpo. Amei a arte, e voltaria mil vezes. A cidade me ganhou, achei todo o conjunto (até aquele ar meio decaído) super poético! Pernoitei lá e não me arrependo, achei a cidade muito mais viva e real que a vizinha bonitinha Viña del Mar 🙂

  2. Valparaíso merece mais que um bate e volta, como sou apaixonada por street art já me animo demais em conhecer, adoro esse colorido e essa energia que o grafite transmite, é uma arte efêmera, que se liga muito com a fotografia, que é uma forma de mantemos ela eterna.

  3. Que legal! Estive em Valparaíso quando tinha 13 anos em uma excursão bate-volta de Santiago e nem aproveitei a cidade e por isso penso muito em voltar!

Deixe aqui teu comentário ou tua dúvida:

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.