O que fazer na cidade de Montevidéu

Montevidéu
Gostou? Compartilhe este texto:
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •  

O que fazer em Montevidéu?

Como disse no post anterior (este aqui), pegamos no fim da tarde de um domingo um bus direto de Colonia para Montevidéu!

Turistandoin Uruguai montevideu (19)Chegamos no terminal Tres Cruces (uma rodoviária imensa, que fica no subterrâneo de um shopping center) e procuramos algum taxi.
Do lado de fora havia uma fila imensa e organizada para eles. Acho que ficamos uns 15 minutos aguardando!

O valor da corrida é maior que em Buenos Aires, mas ainda sim, muito mais em conta em relação ao preço da corrida aqui em São Paulo.

Infelizmente a foto que tirei da tabela de valores ficou muito borrada, mas basicamente funciona da seguinte maneira:
Ao entrar, você paga um valor x (manhã: UR$ 27.71 e noite: UR$ 33.25). O taxímetro marcará “fichas”, que correspondem a 100 metros sem trânsito (pois percebemos que parado também corre).
Cada ficha diurna custará UR$ 1.61; e cada noturna custará UR$ 1.93;.
Desta forma, através do Google Maps vocês poderão ter uma ideia de quanto gastarão do terminal até o hotel/hostel.
No entanto, se você vem direto do Brasil, chegará pelo aeroporto de Carrasco, uma bairro super chic de MVD. Há sites que aconselham pegar táxis ou os remises.

Conhecendo a cidade de Montevidéu


Nossa viagem começou realmente na segunda feira.

Estávamos em um hostel em Pocitos, na 21 de setembre x Sarmiento. Enquanto procurávamos um banco para fazer um novo saque, nos perdemos e, para chegar até as Ramblas, entramos na rua Jaime Zudanez.
Foi bom pois as ruas dos bairros de MVD sao lindas e neste lado da praia, encontramos o mar com areia.
O céu estava lindo e assim ficaram as fotos:
Deste ponto, resolvemos seguir sentido Punta Carretas. O percurso pode até ser longo, mas é uma delícia, mesmo no frio.

E olha que ventava muito.

O centro da cidade

Turistandoin Uruguai montevideu (4)Em Punta Carretas começou a bater uma fominha e como não parecia ter restaurantes por ali, subimos a Bv. General Artigas e pegamos ali um ônibus até a Plaza Independencia (UR$ 20).

Esta praça é o marco central da cidade, pois é deste ponto que a cidade se divide em Cidade Velha (Ciudad Vieja) e Cidade Nova (Ciudad Nueva) além, claro, de ser muito linda.

Em seu centro está a grande estátua equestre de José Gervasio Artigas (seu mausoléu está na parte subterrânea)
Ao leste fica a Porta da Cidadela (Puerta de la Ciudadela), início da via para pedestres Sarandí e porta para a Ciudad Vieja.
A lado está a Torre Executiva, atual sede do Poder Executivo, e o Palácio Estévez, até poucas décadas atrás, a sede do mesmo poder.
Do lado oposto, na esquina com a avenida 18 de Julio (a rua da Ciudad Nueva) pode-se ver o lindíssimo Palácio Salvo, considerado na época de sua construção o edifício mais alto da América do Sul.

Como estávamos com fome, resolvemos comer no primeiro lugar que encontrássemos.

Turistandoin Uruguai montevideu (20)Escolhemos o Plazabar.com. (Pl. Independencia, 1358). O local é limpo,agradável, mas nada excepcional. O garçom muito atencioso e simpático, inclusive arranhou um português conosco.
Bom, o cubierto de pão e manteiga custou  UR$ 20pessoa. A Milena ficou com uma milanesa com batatas e pagou UR$ 180. Eu escolhi uma massa a bolonhesa e paguei UR$ 190. O Thiago quis uma carne, não está especificada na nota qual, e pagou UR$ 220. O Marcos quis ir de peixe. Escolheu um Abadejo e pagou UR$ 240. Pedimos vinho, o Tannat mais barato – rs por UR$ 220. Na saída ainda compramos um doce, um pedaço de rocambole de doce de leite, mas não foi incluído na nota.
No fim das contas, a soma foi de UR$ 1160 sem a propina, R$ 36,00 para cada.

…..Escrevi este post anos atrás, na época que este site se chama Os Amigos de Mochila e fazia parte do blogspot. Vou tentar relembrar um pouco….

Me lembro que fomos até o mercadão central para almoçar. Há diversos restaurantes e há pessoas prontas a nos “pegar”! O almoço lá não sai barato, mas nada comparado aos preços obscenos praticados em SP.

Vale também a pena fazer uma visita guiada no teatro Solis e tomar um café da tarde (foi super barato em 2013) na livraria Más Puro Verso (gracias Google Maps) na rua Sarandi! De nossa mesa, víamos parte do teatro!

Infelizmente, não tenho tempo para continuá-lo. Tenho ainda muitos textos de minhas últimas viagens a escrever, mas tenho colegas blogueiras que fizeram isso e são para esses posts que indico a leitura!

 
A Josi Bravo, do blog Uma Turista nas nuvens, escreveu um pouco sobre o que ela fez em MVD. Sao dois posts bacanas. Um ela fala sobre a livraria que fomos e adoramos e também um roteiro de 1 dia pela cidade

 


A Lorena do La Une Travel escreveu um post bacana sobre Montevidéu e sobre sua ida à bodega Bouza. Um local que fomos e adoramos. O pessoal do Bouza nos buscou em nosso hostel (pagamos uma taxa) e là, como estávamos em grupo, escolhemos os 2 tipos de degustação, para assim, provarmos todos os vinhos.
(Leia Mais)

Dicas LolePocket


Gostou? Compartilhe este texto:
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •  
  •   
  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Antes de viajar, não se esqueça de fazer o seu seguro viagem conosco. Use o cupom TURISTANDOIN5 e receba 5% de desconto. Aproveite e faça a reserva de hotel e do aluguel de carro conosco. Se quiser, entre em contato conosco. Fazemos todas as reservas de tua viagem gratuitamente.


About Juliana (www.turistando.in)

Sou a mãe do Léo quase full-time, professora de italiano (por algumas horinhas), esposa de um doutorando (que me deixa maluca) e, claro, a faz-tudo do Turistando.in!

4 thoughts on “O que fazer na cidade de Montevidéu

  1. Oi Juliana, que roteiro lindo 🙂 Diferente do dia que eu fui em Montevidéu, você foi super privilegiada com o tempo, vejo pelas fotos que o céu estava azulzinho, o contrário do dia que fui que estava totalmente cinza 🙁 Sempre que vejo fotos da cidade com um dia de sol, fico morrendo de vontade de voltar. A cidade é uma graça e um passeio pelas ramplas é uma delícia se o tempo estiver bom.

    Abraços

  2. Oi Juliana,
    Li o seu roteiro de viagem, mas você já postou sobre o restante da sua viagem? Nâo encontrei a parte de Montevideo a Punta del Este e a volta para o Brasil.
    Pretendo fazer esse roteiro em Julho desse ano e gostaria de saber mais sobre sua experiência no restante do Uruguai.
    Beijos

    1. Oi Livia e Pedro

      Puxa, ficarei fora nas pròxims 3 semanas, mas me escreva por aqui se precisa de mais dicas e eu tento responder mesmo fora!
      Vou ver se consigo pelo menos terminar o post de Montevideo

      Fomos de MVD para Punta de Onibus. Fomos até a rodoviaria e compramos passagem da COT. Nao sei te dizer o valor pois a notinha que mantive esta apagada. Mas nao era caro, tinha ar condicionado e wi-fi gratis

      Em Punta, visitamos a famosa Casa Pueblo (pegamos um bus da Copsa na estrada, mas aconselho pegar na rodoviaria, pois apesar de voce pagar a passagem, vc nao tem direito a um assento!!!!!! No nosso caso, tivemos que levantar quando entrou uma galera).
      O pior é o retorno! Assim que acaba o por do sol, aconselho ir embora! Por causa de segundos, perdemos o bus e ficamos mais de 1 hora aguardando bus no frio (o pior vento que senti na minha vida). Como voces também irao no inverno, leve roupa grossa, luva e touca.

      Para ir embora, fomos para de bus para Porto Alegre.
      Existem 2 empresas que fazem este percurso e que param em Punta: TLL e EGA. Nao sei qual é melhor ou mais barata. Fomos de EGA pois era a unica que tinha vaga e sò tinha horàrio para o domingo (e ficamos um dia a mais em Punta, o que nao foi negocio, pois a cidade è cara e no inverno nao tem muito o que fazer). Meu conselho: se a data de viagem de voces for apertada, compre o quanto antes. Essa TLL eu sei que tem em MVD!

      Bom, precisando de mais, é sò escrever

      Abraços e boa viagem!

Gostou? Tem dúvidas? Nos deixe uma mensagem: