Serenissima, Venezia!

Veneza
Gostou? Compartilhe este texto:
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •  

A propaganda diz que Veneza está afundando e que precisamos conhecê-la antes disso. Se realmente ela afundará, eu não sei! Mas isso não é um motivo para conhecer a Serenissima, mas uma boa desculpa (e das boas)!

Como circular por Veneza:

Veneza 05abr08 San MarcoVeneza é uma ilha dividida entre o Canal Grande e vários pequenos canais. Existem várias pontes que ligam os pequenos canais e algumas imensas (e famosas) pontes que ligam blocos da ilha separados pelo Canal Grande.
Como meios de transportes, podemos contar com barcos (vaporettos ou traghetos) que circulam pelo Canal Grande ou pelas gôndolas. No entanto, para o turista, tudo isso é caríssimo (18€ por dia – ver preços atualizados aqui)!
O modo mais econômico e mais interessante, claro, é caminhar.

A cidade não é feita para pessoas cadeirantes (que deverão obrigatoriamente circular pela cidade nos vaporettos). E por ter diversas pontes, se tua ideia é economizar, esqueça a mala! Mochila como sempre é o ideal (fiz um post aqui sobre malas ou mochilas).

O que ver em Veneza (bairro por bairro):

Bom, antes de tudo, é impossível não se perder na famosa Serenissima, é até interessante! Mas é bom se perder conscientemente!
😉
Para facilitar a compreensão do mapa de Veneza é bom conhecer o nome das zonas e saber mais ou menos onde cada uma está. Cada região tem algo interessante para visitar, mas o turismo de massa, que curte a ilha em apenas um dia, costuma conhecer apenas San Polo e San Marco.

mapa de Venezia

* Cannaregio

Santa Maria del Orto em Canareggio
Cannaregio
é o primeiro sestiere (“bairro”) para quem chega a Veneza de ônibus (pelo Piazzale Roma) ou de trem (pela estação terminal de Santa Lucia);
É também o sestiere mais próximo para quem quer dar um pulo em Murano ou Burano (minha favorita entre as duas).

De todos os bairros de Veneza, esse é o que mais me agrada e o que eu mais recomendo estadia!

O Sestiere de CANNAREGIO”

* Santa Croce –  San Polo  e Dorsoduro (e a ilha de Giudeca)  

Ponte de RialtoEsses dois “sestieri” acabam sendo passagem obrigatória para todo turista, pois é o caminho mais fácil para ir até a Piazza San Marco (passando, claro pela Ponte de Rialto).

Jà, em Dorsoduro, passam apenas quem se perde feio, quem fica mais de um dia na ilha ou quem tem como objetivo conhecer o Accademia.

Os Sestieri de “SANTA CROCE e SAN POLO”

* San Marco (e a ilha de San Giorgio Maggiore) 

piazza-san-marco
Esse é o destino final de todo turista, pois abriga a imensa Piazza di San Marco com o campanile e a basílica homônima e permite uma linda visão da Ilha de San Giorgio (com as gondolas encapadas em azul).

Para acrescentar, é neste sestiere que encontramos a Ponte dos Suspiros e o Palazzo Ducale.



Gostou? Compartilhe este texto:
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •  

Antes de viajar, não se esqueça de fazer o seu seguro viagem conosco. Use o cupom TURISTANDOIN5 e receba 5% de desconto. Aproveite e faça a reserva de hotel e do aluguel de carro conosco. Se quiser, entre em contato conosco. Fazemos todas as reservas de tua viagem gratuitamente.


About Juliana (www.turistando.in)

Sou a mãe do Léo quase full-time, professora de italiano (por algumas horinhas), esposa de um doutorando (que me deixa maluca) e, claro, a faz-tudo do Turistando.in!

Gostou? Tem dúvidas? Nos deixe uma mensagem: