Restobar em Rosário

restobar
Eu já disse por aqui que adoro essa palavra Restobar! Não sei qual motivo não a usamos frequentemente aqui no Brasil. É uma definição ótima para o que chamamos de barzinhos, mas que também servem comida.
Bom, em nossa estadia, resolvemos ir em um restaurante elegante (escrevi aqui sobre isso), em 3 churrascarias para comer carne e peixe assados (escrevi aqui sobre isso) e também fomos em restaurantes simples e restobares.


Bacano Restobar

Descobrimos esse restobar zanzando pela Rua Paraguay. Parece um antigo casarão, bem na esquina com a Urquiza.
A entrada com o carrinho não foi tão simples, como em todo o local de Rosário, graças a uma pequena escada (a cidade definitivamente não foi feita para cadeirantes ou para carrinhos de bebês, apesar da imensa quantidade de mães que circulam com seus filhos em carrinhos pela cidade).
O ambiente é amplo, mesas distantes uma das outras. Uma música bem tranquila tocava no local e isso nos agradou.
Começamos com uma saladinha diferente. Achamos curioso uma salada feita com arroz e decidimos pedir. Nada mais era que umas três escumadeiras cheias de arroz soltinho e frio e em cima havia milho, atum, ovo cozido, cenoura, algumas folhas e cream cheese.

Apesar de diferente, é bem gostosa, mas acho que tinha muito arroz (ou eles viram que éramos brasileiros e capricharam – rsrsrsrs).

 

Para beber, pedimos um Cabernet Sauvignon da Nieto Senetier e, assim como o Malbec, um vinho bom, com pouco corpo, mas nada de especial.
Para comer, chegamos a pensar em um prato que tinha batata recheada e cebola caramelizada, mas a carne daquele prato (que me foge a memória) não tinha no momento.
Com isso, pedimos uma Costela de Cerdo (porco) ao molho BBQ e quando chegou a salada, a moça que nos atendeu (parecia ser proprietária) nos perguntou (e topamos) se por acaso não queríamos a batata recheada e a cebola do prato que havíamos interessado de início.
Como estava fechando (fomos os últimos a entrar e também a sair), não tinha muita sobremesa. Meu marido escolheu um brownie e eu provei um pouco. Nenhuma surpresa!
Nossa opinião: o local é novo e descoladinho. Um local perfeito para encontro de amigos e também para uma janta romântica.
Sobre os pratos, a carne estava muito, mas muito macia e saborosa. O creme BBQ achamos um pouco forte e artificial demais (poderia ter uma quantidade menor). A batata também estava boa, mas teria sido melhor se fosse recheada de queijo (o recheio era de vegetais) e a cebola uma delícia (ainda bem que eles nos ofereceram)!
Tudo nos custou ARS 458,00
Endereços:
Paraguay 501, Rosario, Argentina

Cadencia Ecobar

Chegamos no final da noite de um sábado de feriado. Assim que nos instalamos, a Nádia, colega de meu marido, nos mandou uma mensagem dizendo que havia entrado em contato com o Adriano, professor de Goiás e seu orientador, perguntando se queríamos sair para jantar.
Topamos, mas precisávamos ainda nos instalar e cuidar do Leo. E eles disseram: procuraremos um local e mandamos o endereço. E assim eles fizeram.
Esse bar fica na Dorrego, entre a San Lorenzo e Urquiza. Fomos com o carrinho do Léo e, mesmo sendo um bar, não tiverem restrição por entrar com um bebê. O local é bem interessante. Uma casa decorada com material reciclável e pouca iluminação.
Como não sabíamos o tamanho dos pratos em Rosário, pedimos uma entradinha com batata e presunto e pedimos um peixe boga ao molho criola como prato principal. Para beber, vinho Uxmal Malbec (que o Adriano nos fez pedir umas 4 garrafas – rsrsrsrs – Não pedimos mais pois o local fechava “cedo”).
A entrada estava muito boa. Não fiz fotos (infelizmente), mas eram fatias de batata cozida, com presunto misturadas em um molho bem suave! O peixe estava muito bom, porém, o achei sem tempero, apenas com o tal molho criola, que me parecia vinagrete.
Nossa opinião: O local é bem gostoso. Não me lembro dos preços (meu marido não ficou com a nota fiscal), mas não me pareceu tão caro!
No final do congresso, o Adriano se despediu de mim (no  restaurante El Mejor del Centro) dizendo: “De todos os locais que fomos, o Cadencia foi o melhor”.
Como eu e o Thiago ficamos mais tempo, acabamos achando outros tão bom quanto e até melhor, mas esse local é interessante e vale a pena!
Endereços:
Dorrego, 564 –  Rosario, Argentina

Bon Cafè

Foto encontrada na net, tirada por Marta Pilar
Foto encontrada na net, tirada por Marta Pilar

Segunda feira, primeiro dia do congresso do Thiago, saímos juntos para procurar algum local para almoçar. Diferente do final de semana, no qual o centro é vazio e com quase tudo fechado, encontramos uma cidade super agitada e alguns restaurantes pelo caminho.

Como ele ainda tinha um pouco de tempo, decidimos caminhar um pouco pela cidade mais movimentada e procurar algum local bacana para comer.
Descemos a Entrerios, a rua da universidade e, ao chegar no calçadão (Peatonal Cordoba), viramos à esquerda, sentido monumento às bandeiras.
Isso foi a maior besteira: não achamos nenhum restaurante. Apenas lojas e bancos.
Com isso, descemos uma das ruas e pegamos a Rioja (paralela à Cordoba), em busca de algum local. Na esquina com a Corrientes, encontramos um local chamado Bon Café. Não parecia extraordinário, mas o tempo de pausa do Thiago estava acabando.
Pedimos o menu e, enquanto escolhíamos nosso prato, pedimos para a garçonete nos trazer um suco de fruta e uma saladinha marinara. Os preços não eram caros, mas depois que o suco chegou, descobrimos que eles não aceitavam cartão.
Bom, a salada demorou uns 20 minutos para aparecer. Cheguei a entrar dentro do salão (ficamos do lado de fora) para ver se já haviam começado a preparar a salada (senão cancelávamos o pedido) e nos disseram que já estava saindo,
Uns 5 minutos depois, talvez mais, chegou a tal salada (alface, tomate, ovo cozido e atum! Nada de especial), mas já havíamos decidido procurar outro local.
O mais curioso é que a garçonete em nenhum momento foi até nossa mesa perguntar o que pediríamos como prato principal. Nem mesmo quando ela nos trouxe a salada.

Como o local tinha wifi (pelo menos isso), vimos um restaurante italiano na Corrientes x Santa Fé e para lá fomos. Mas no meio do caminho, achamos o Augustus (ou Avgvstvs), na Corrientes x Cordoba.

Confiteria Avgvstvs

A fome bateu, o tempo apertou e decidimos almoçar aqui no Augustus. O restaurante fica na esquina da Corrientes x Cordoba, e ainda conta com mesinhas do lado de fora, no calçadão.
Ao entrarmos, havia uma garota bem elegante na porta. Ela nos indicou onde sentar e disse que o garçom chegaria em breve. Olhamos em volta. Não aparentava ser um restaurante fino, mas pela garota bem vestida na porta e pelo charme do local, imaginamos que o local seria caro.
Bom, era o dobro do preço dos pratos lá no Bom Café, mas o preço do prato não era absurdo (para ter noção, um prato custava pouco mais que os dois sucos – rsrsrsrs).
Pedimos um suco de pomelo (sempre que vamos à Argentina, pedimos o suco ou o refrigerante) e dois pratos principais. O Thiago foi de milanesa e eu escolhi uma merluza. Cada prato vinha com um acompanhamento. Eu escolhi um purê de batatas e o Thiago, uma saladinha.
Houve sim uma demora, mas nada comparado ao outro restaurante e o prato estava bem gostoso! Tanto a carne como o peixe.
No total, gastamos ARS 256. De fato, não foi uma refeição barata, mas é uma opção interessante.

 

Córdoba esq Corrientes
Los 3 Marinos

Descobrimos esse local andando pela costa do rio Paraná. Era uma sexta feira e meu marido queria ver os preços e horários da saída de barco.

O restobar fica dentro do complexo da Estacion Fluvial de Rosário, porém suas mesas ficam do lado de fora, ao lado do rio.
Por causa da localização, pensávamos que os preços seriam abusivos e encontramos uma faixa de preço similar aos outros restobares do centro da cidade. As entradas vão de 60 a 100 pesos, empanadas por 20 pesos; Carnes, peixe e frango entre 90 a 170 pesos e massas de 75 a 110 pesos.
O que ficou a desejar neste local é a carta de vinho. Poucas opções e nada aparentemente muito bom. O preço também é interessante: de 58 a 70 pesos.
Bom, pedimos empanadas de entrada; meu marido de presunto e queijo e eu de pescado. Estavam boas, mas a de pescado é deliciosa.
Pedimos um vinho Alaris Trapiche, de baixo corpo e bem ácido (particularmente, não gostei) e pedimos um prato pescado de merluza com batata e uma salada mediterrânea. A salada era farta (mas com azeitonas pretas com um sabor muito forte), o peixe, apesar de gostoso, era pouco demais para compartilhar.
E na hora do pagamento, a surpresa: só aceitavam Visa! Pelo menos aceitavam cartão!
Rsrsrs
Nossa opinião: O local é agradável, com mesas externas e com vista para o rio. Os pratos são gostosos, mas nada excepcional. O pessoal também é bastante atencioso.

Endereços:

La Fluvial – R. de los Inmigrantes 410 – Rosario, Argentina
https://www.facebook.com/pages/Los-Tres-Marinos

 

Bar El Cairo
Um outro local que parece bacana, mas que não agradou o meu paladar.
Fomos parar ali no nosso 1° domingo. Havíamos marcado com 3 amigos de irmos em algum local comer parrilla. Era tarde e o local que o pessoal havia encontrado na net estava fechado! Com isso, entramos no El Cairo por ser o único do centro aberto naquela hora.
O local, que faz parte do cinema, é bonito, bastante agradável, amplo, com várias mesas e um palco. Porém, chegamos perto do fechamento.
A garçonete que nos atendeu não pareceu feliz em nos ver entrar no final da noite.
Cada um fez o seu pedido e eu e meu marido resolvemos pedir um entrecôte, a carne mais cara do cardápio (e a primeira que comeríamos na cidade) e uma salada do chef (uma mistura de vários vegetais, legumes e folha)
Pedimos também um vinho. Não havia tanta opção e meu marido acabou pedindo um Cabernet Alma Mora.
Depois de um tempo, chegaram nossos pratos. Vou ser sincera: a carne me decepcionou muito! Era um pedaço discreto e seco! Totalmente sem sabor!
Para ajudar, pelo menos em meu paladar, o vinho estava ácido demais. Chegou inclusive a “amarrar” a boca. Talvez tenha sido a combinação da carne com o vinho, mas nada ali me agradou.
Como estávamos em grupo, acabei não fotografando.
Tirando essa questão, acredito que o local tenha apresentação de teatro ou algo como StandUp Comedy e, para cervejas e tira-gosto, seja um local interessante! Abaixo inseri a nota fiscal. Há outros preços para fazer uma comparação.
Endereços:
Sarmiento Esq. Santa Fe 1102 Rosario, Argentina
Notas Fiscais: Acabei perdendo algumas notas, mas aquelas que estão comigo, irei inserir aqui no blog, no final do post. Para ampliar, cliquem na imagem
Nota Fiscal Confiteria Augustus Nota Fiscal bacanosNota Fiscal El Cairo Nota Fiscal los 3 marinos Nota Fiscal victoria

 

  [otw_is sidebar=otw-sidebar-5]


Seguro viagem

Muita gente não faz, mas ficamos com tanto receio da altitude e de trilhas que faríamos quando fomos para o Peru e decidimos fazer seguro saúde. Foi a primeira vez que fizemos e, desde então, começamos a fazer para todas as nossas viagens (principalmente agora, viajando com o Léo). Dependendo da gravidade, médicos vão até a tua hospedagem te medicar. E eles também reembolsam medicações! Caso você não saiba muito bem como funciona, leia também nosso relato:  Seguro viagem (Dicas para viajar grávida ou com crianças)

Faça uma simulação com a nossa parceira Seguro Promo. Ao inserir o código TURISTANDOIN5, você obtém 5% de desconto.


Hospedagem

Temos parceria com o Booking. Toda vez que você fizer uma reserva usando os links e banner deste blog, eles nos pagam uma pequena comissão. Este valor ajuda a manter o nosso blog. E' uma forma econômica de nos ajudar (pois você não pagará nada a mais para o Booking). Por isso,faça uma simulação com o banner na lateral desta página ou clique aqui.

Outra forma de nos ajudar com hospedagens: o AirBnb oferece R$ 100,00* de bônus para novos inscritos desde que tua hospedagem ultrapasse R$ 190,00 *(sem contar com a limpeza). Para isso, faça seu cadastro usando este link.

(*) como o valor é medido em base ao dólar, ele pode sofrer alterações. Leia antes as regras.


Aluguel de Carro

Outra parceria do blog é com a RentCars, que oferece bons valores para o aluguel de carro, além de parcelar e de não cobrar IOF para carros alugados no exterior. Para fazer uma simulação, clique aqui. Assim como as hospedagens e o Seguro, ao fazer sua reserva utilizando os links do Turistando.in, receberemos uma comissão e isso ajuda a manter o blog sempre ativo.


About Juliana (www.turistando.in)

Sou a mãe do Léo quase full-time, professora de italiano (por algumas horinhas), esposa de um doutorando (que me deixa maluca) e, claro, a faz-tudo do Turistando.in!

Gostou? Tem dúvidas? Nos deixe uma mensagem: