O que é e como fazer Stopover: veja como visitar duas ou mais cidades

O que é e como fazer Stopover: veja como visitar duas ou mais cidades

Já tem um bom tempo que penso em escrever um passo a passo sobre como fazer Stopover através de cia. aéreas e só me lembro quando algum conhecido compra passagens para destinos diferentes sem utilizar essa estratégia. Sim, pois o Stopover nos permite visitar 2 ou 3 lugares diferentes pagando o valor apenas de uma passagem.

Ok, mas o que é Stopover?

jay wen 361388 400x225 O que é e como fazer Stopover: veja como visitar duas ou mais cidades
Photo by Jay Wen on Unsplash

Stopover é a parada que fazemos em um aeroporto para trocar de avião. Essa parada (na qual fazemos uma conexão) pode durar 1 hora, 2 horas, 4 horas e por ai vai!

Quem viaja sabe bem a tortura que é uma conexão. Eu já cheguei a aguardar 4 intermináveis horas passando frio no aeroporto de Barrajas (na ida e na volta) e até uma madrugada inteira no aeroporto de Assunção.

O stopover elimina exatamente isso!

Ao invés de aguardar horas um novo avião, você pode aguardar alguns dias e, assim, aproveitar um pouco a cidade deste aeroporto (que pode ser, pensando na Europa, Amsterdã, Madrid, Roma, Milão, Paris, Londres, Lisboa, Frankfurt e etc).

Meu primeiro stopover

fly 413824 640 166x250 O que é e como fazer Stopover: veja como visitar duas ou mais cidadesBom, a primeira vez que usamos esta estratégia foi para Berlim, com a KLM e eles nos ofereceram o stopover como uma “promoção” para brasileiros.

Como compramos a passagem para a capital alemã pela KLM, decidimos fazer stopover parando em Amsterdã e decidimos ficar 5 dias na Holanda antes de pegar o voo da conexão para Berlim.

Poderíamos também fazer isso em nosso retorno. Porém, essa viagem durou 3 meses e, por isso, achamos que não seria o caso de fazer stopover na volta.
Preferimos aguardar no aeroporto (algo como 2 horas no início da manhã).

 

LEMBRE-SE: Seguro viagem é obrigatório em alguns países, como muitos europeus. Antes de viajar, veja os ótimos preços de nosso parceiro. Faça agora uma cotação do seguro viagem.

Stopover serve apenas para conhecer países diferentes ou também cidades diferentes?

alitalia 187x250 O que é e como fazer Stopover: veja como visitar duas ou mais cidades
Foto de Graham C99 – Flickr CC licensing

Pense no stopover como uma conexão longa, que pode ser feita até mesmo dentro de um mesmo país.

Dou um exemplo. Semana retrasada me encontrei com uma aluna que irá para a Itália agora em fevereiro. Um ex professor de italiano lhe disse que Florença era a melhor cidade para ficar, pois estava entre as cidades do norte e Roma.

De certa forma é verdade, e com isso, ela comprou a passagem de ida e volta para Florença (Firenze), viajando pela Alitalia.

Quando me sentei com ela para ajudá-la a montar o roteiro, entramos em um conflito: ela queria visitar Roma e Napoli (ao sul de Florença), mas também a cidade do avô, ao norte, perto de Padova. E faria tudo isso em 13 dias.

Em um determinado momento, perguntei se ela iria para Florença a partir de Roma e ela disse sim.
O voo dela chegará por Roma, fará uma conexão de algumas horas, seguirá até Florença e depois de alguns dias, ela irá para Roma de trem para depois retornar a Florença e pegar o avião que voltará para Roma.

Entenderam o que ela fez e o que ela poderia ter feito?

Ela poderia ter comprado a passagem SP – Firenze com conexão em Roma, mas ao invés de uma conexão de 2 horas, poderia fazer um stopover de 4 dias.
Conheceria a capital italiana, voltaria ao aeroporto para o voo até Florença; iria até Padova de trem e, se bobear, poderia ao invés de retornar a Firenze para pegar o voo para Roma, poderia pegá-lo em Veneza.
Tudo isso pagando apenas 1 passagem.
Ela evitaria usar trens pela cidade e inclusive ir e voltar para a mesma cidade de destino (no caso, Roma).

Então… como fazer Stopover?

yousef alfuhigi 357033 200x250 O que é e como fazer Stopover: veja como visitar duas ou mais cidades
Photo by yousef alfuhigi on Unsplash

Bom, se você comprar uma passagem SP-Florença, a companhia não tem como adivinhar que você também quer conhecer Roma. Você precisa “avisá-la”, certo?
Como?

Comprando passagens para múltiplos destinos.

Para fazer stopover, entre dentro do site da companhia aérea e procure a opção de múltiplos destinos (algumas empresas já inserem a opção Stopovers durante a busca. Vi isso dentro da Alitalia-BR e Tap).

Depois informe seu destino, como neste exemplo:
1° voo: SP – Roma (x dias)
2° voo: Roma – Firenze (x dias)
3° voo: Firenze (ou qualquer outra cidade italiana) – Roma
4° voo: Roma – SP

Esse foi um exemplo dentro do mesmo país, mas vejamos em país diferente. Mostrarei o exemplo de minha viagem com a KLM

1° voo: SP – Amsterdã (5 dias)
2° voo: Amsterdã – Berlim (85 dias)
3° voo: Berlim – Amsterdã (2 horas)
4° voo: Amsterdã – SP

Consigo fazer outras combinações de stopover?

airport 3511342 1920 376x250 O que é e como fazer Stopover: veja como visitar duas ou mais cidadesSim, desde que você continue usando a mesma companhia (ou alguma que seja coligada).

Pensando no meu exemplo de Berlim. Eu poderia ter pego um trem de Berlim até Praga e de Praga ter pegado o 3° voo para Amsterdã! Ficaria assim:

1° voo: SP – Amsterdã
2° voo: Amsterdã – Berlim
3° voo: Praga* – Amsterdã
4° voo: Amsterdã – SP

* ou qualquer cidade que a KLM voasse

Mas não para por aì! Você pode usar as empresas coligadas.

A KLM e a AirFrance operam juntas. O mesmo ocorre com a Iberia e a British Airline.

Vou continuar com o exemplo da KLM. Veja essa combinação:

1° voo: SP – Amsterdã (com a KLM)
2° voo: Amsterdã – Berlim (com a KLM)
3° voo: Berlim – Paris (com a AirFrance)
4° voo: Paris – SP (com a AirFrance)

Isto é, existem muitas possibilidades. Você terá que testar as datas e ver quais se encaixam perfeitamente para fazer stopover.

Mas stopover só rola na Europa?

Claro que não! Você pode fazer isso com todas as companhias que te oferecem voos com conexão, desde que você compre a passagem com a opção Múltiplos Destinos!

Por exemplo, se você vai para Machu Picchu, terá que parar em Lima e ali pode ficar uns 3 dias; Se for para Ushuaia, deverá parar em Buenos Aires e, se quiser, ficar mais uns 3 dias na capital portenha; Se for para NY, pode quem sabe parar em Miami e assim por diante.

Não se esqueça de fazer o seu seguro viagem! E’ obrigatório na Europa e te dá tranquilidade durante uma viagem! Faça uma cotação aqui  e use o código TURISTANDOIN5 para obter 5% de desconto! Pagando com boleto, você obtêm mais 5%. No cartão de crédito terà a possibilidade de parcelar em até 12x

Veja como fazer e usar o seguro viagem quando você mais precisa!

E a passagem sai mesmo de graça?

Depende da companhia e do tempo de stopover, mas normalmente sim! Você apenas pagará a diferença da taxa de embarque (que é menor em uma conexão) ou a diferença de valor de algum voo (pode ser que você escolha um voo mais caro que não estava previsto na primeira pesquisa).
Ahhhh… o tempo de duração do stopover pode variar de acordo com as regras da companhia.

Vejamos alguns exemplos:

  • Simulei um voo com a Alitalia para Florença com parada em Roma e depois com stopovers:

stopover gru roma 1 O que é e como fazer Stopover: veja como visitar duas ou mais cidades

A diferença de preço dos voos simulados acima é praticamente de R$ 56,00.

  • Simulei um voo com a KLM e AirFrance para Berlim e depois com stopovers com parada em Amsterdã e Paris :

Fiz duas simulações: Uma por Paris, mas sem parada (diferença de praticamente de R$ 50,00). E outra com uma parada de 3 dias em Paris (diferença de praticamente de R$ 150,00)!
Clique nas imagens acima para ver direito.

Além disso, tem mais outra vantagem fazer Stopover?

O fato de pegar um outro voo e não pagar por isso já é fantástico, mas tem um outro quesito bem interessante: a franquia de bagagem.

stopover malas 1 375x250 O que é e como fazer Stopover: veja como visitar duas ou mais cidades

Digamos que você compre uma passagem para Madrid e depois de 10 dias você compre uma passagem para Roma.
Você não apenas pagará o valor cheio da passagem Madrid – Roma, como também estará sujeita à franquia de bagagem interna.

Para um voo internacional, você poderá despachar 2 malas de até 32 kilos (veja as regras de cada companhia).
Se for voo doméstico (voos dentro de países da zona Euro são considerados domésticos), tem direito a 1x de 23kl (dependendo da categoria da passagem).
Se você  decidir pegar uma empresa Low Cost, você deverá pagar pelo despache e também terá direito a 23 kilos.

E se você superar esse valor de franquia, deverá pagar a mais (isso ocorreu anos atrás com uma amiga minha).

No entanto, se você decidir fazer stopover, os voos internos serão considerados internacionais e você usará as regras de franquia de um voo internacional.


Aproveite e reserve seu hotel conosco:



Booking.com


pinterest e social 2 O que é e como fazer Stopover: veja como visitar duas ou mais cidades

Pin do Pinterest

pinit fg en rect red 28 O que é e como fazer Stopover: veja como visitar duas ou mais cidades


Planeje a tua viagem conosco

Clicando nas imagens abaixo, você encontra preços especiais e ainda ajuda o blog sem gastar nada!

About Juliana (www.turistando.in)

Sou a mãe do Léo quase full-time, professora de italiano (por algumas horinhas), esposa de um doutorando (que me deixa maluca) e, claro, a faz-tudo do Turistando.in!

42 thoughts on “O que é e como fazer Stopover: veja como visitar duas ou mais cidades

  1. Por curiosidade fiz algumas simulações, considerando meu roteiro com a data pra setembro/18, só pra ter uma ideia como ficaria. Achei preços pouco mais baixos pela Decolar e Kayak com a opção Múltiplos Destinos, do que pelo stop-over da TAP por ex. Direto por outras empresas (ex. Air France e KLM) não da a opção stop-over, só múltiplos destinos, é isso mesmo?

    1. Stopover significa escala! Muita gente faz escala de 4 horas…. Outras de 4 dias! A Tap e a Alitalia inseriram dentro do site o nome STOPOVER, mas nada mais é que fazer escalas.

      Na KLM (assim como na Decolar, Kayak, Skyscanner e etc) vc precisa clicar em Multiplos Destinos!

      Se com essas empresas o preço saiu melhor, bora fazer com elas!
      hehehehe
      ps: vc pode tbem fazer stopover em tua viagem nos EUA, caso tua viagem nao seja com voo direto!

  2. Sem dúvida é uma ótima maneira de economizar, mas nem sempre sai ‘de graça’. Nas poucas vezes em que tentei, havia diferença significativa. Acabo escolhendo voos com conexão longa durante o dia, que é de graça e dá pra aproveitar e (re)visitar uma cidade. Mas em geral não rola, porque sempre tenho poucos dias para viajar (snif). Abraços e parabéns pelas dicas!

  3. É uma opção bem legal, mas e os voos de companhias nacionais que fazem vinagens internacionais tem essa opção também? Dá pra fazer isso em voos dentro do Brasil? Porque se der, já quero, rs.

  4. Já fiz isso indo pra Austrália. Parei em Auckland 2 dias,mas foi a agência que fez isso pra mim. Quando vi essa postagem, corri para ler, pois quero aproveitar mais essa vantagem! Obrigada, arrasou!

  5. Nossa, esse post está explicando perfeitamente. Sempre tive dúvidas de como funcionava o stopover e como pedir.
    Quando fui para a Europa Comprei ida e volta para Roma. E fiz tudo de trem, até Londres. Se eu tivesse usado esse métódo teria economizado tempo e dinheiro.
    Obrigado por compartilhar. Da próxima vez farei isso.

  6. Essa situação do Stopover é sempre uma novela né? Eu fiquei 12 horas em Madri a primeira vez que fui para Portugal. Foi sofrido porque foi a noite e eu não tinha como ir passear nesse horário. E nem convinha pela segurança segundo o que me falaram. Em paradas menores eu evito arriscar. Nunca se sabe como está o trânsito, se há manifestações na cidade, se há paralisação nos transportes como acontece muito em Paris. Se o transporte for fácil para a cidade eu encaro em paradas acima de 6 horas. Menos que isso fico quietinha. Sem falar que os grandes aeroportos costumam ter filas para o raio-x, corredores e portas longe… o vôo de chegada pode atrasar. É preciso mesmo ter uma boa margem de manobra.

    1. 12 horas no aeroporto de Madrid????? Que inferno!
      E eu reclamando das minhas poucas horas!
      Eu nao teria coragem de sair do aeroporto para curtir rapidamente uma cidade exatamente com esse receio que voce citou! Mas depois de ter descoberto as “maravilhas” de um stopover… conexão longa sò se eu não tiver como!
      hehehehe

  7. Foi uma coisa boa que inventaram!! Aqui em Lisboa agora há imensos devido a pessoal que vem do outro lado do atlântico, como o Brasil por ex. Foi óptimo para o turismo e é óptimo para os viajantes. Todos ficam a ganhar 😉

Deixe aqui teu comentário ou tua dúvida:

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.