O Budapest card vale mesmo a pena?

Usar o Budapest card vale mesmo a pena?


O Budapest Card é um cartão de isenção em atrações e meio de transporte público e que oferece também descontos em outras atrações. Em um país com língua muito diferente do inglês, pode ser a salvação em alguns casos.

Usar o Budapest card vale mesmo a pena?

Farei agora uma resenha atualizada para 2019 de um dos cartões que usamos em nossa viagem europeia. Ele é um misto de cartão de descontos e cartão de isenção.
Nele, está incluso o uso livre do transporte público (ônibus, bonde e metrô), gratuidade em diversas atrações turísticas (sendo 19 museus, incluso os que se encontram dentro do castelo), um mapa da cidade, 2 walking tour e de um livrinho com explicações sobre cada local que faz parte do cartão (assim como horário de abertura e fechamento e n° do transporte público).

O livrinho está escrito em diversos idiomas. O que eu peguei está escrito em francês, italiano e russo (mas eu acho que o meu marido pegou um escrito em português. Não me lembro). Porém, você pode fazer o download de um guia de Budapest aqui.

Tipologia dos Budapest Card

O cartão é disponível por horas e quando fomos, escolhemos o cartão de 72h (3 dias). No entanto, hoje (ago/2019), descobri que eles aumentaram a quantidade de horas no cartão (acrescentando 96 e 120 horas) e inseriam a opção Jr (para crianças de 6 a 18 anos) e Plus (com algumas opções extras) para o cartão de 72h.

os tipos de Budapest Card O Budapest card vale mesmo a pena?

  • Preços dos Budapest Card- 2019/2020

Como todos os cartões turísticos, para valer a pena, você precisa realmente querer usar as atrações (o que é sempre o nosso caso).
Os preços em euro atualizado para ago/2017 são: 22€ (24hs), 32€ (48hs),  44€ (72hs),  33€ (72hs Jr), 54€ (96hs) e 64€ (120hs).
Verifique aqui os preços e aproveite para comprá-los online.

Como Usar o seu Budapest Card?

Ao adquiri-lo, você receberá um livro-guia com mapa e o cartão. Em 2016, quando fui, era de plástico! Nele, tivemos que escrever o nome e data e hora do início de uso. Não sei se continua assim (me avisem nos comentários se puder). Após isso, é só apresentá-lo nas bilheterias ou mostrá-lo à algum fiscal dentro dos ônibus.

  • Por que inserir a hora?

Porque o cartão não é diário! Assim, você pode começar a usá-lo a qualquer momento; não precisa esperar o dia seguinte para realmente valer a pena, como muitos dos cartões!

Informações Básicas sobre Budapeste

Fiz dois posts com informações sobre a cidade de Budapeste. Confira:

Conhecendo Peste em Budapeste – Conhecendo Buda em Budapeste 

Mas o Budapest Card vale a pena?

IMG 20160418 164706133 e1461012197588 264x300 O Budapest card vale mesmo a pena?Eu sempre acho que este tipo de cartão vale a pena, pois me economiza alguns trocados, além da comodidade de furar fila e de não ter que sofrer com o idioma.

Como eu disse em outros posts, eu sempre vejo antes o que me interessa conhecer e comparo os preços. Uma outra vantagem é que você acaba indo em locais que não se programaria, se não fosse o cartão.

Irei elencar abaixo as atrações gratuitas que estão presentes no Budapest Card pelo menos até 2020:

  • Transporte público:

O uso do transporte público é um dos itens que mais me interessam. Gosto da liberdade de caminhar pela cidade, mas quando as atrações são distantes ou tenho pouco tempo, acabo sempre usando. O problema da Europa é que não existem cobradores e nem sempre é fácil localizar um posto de venda. Algumas cidades tem em cada parada, mas em outras não. Budapeste tem um outro problema: o idioma! E poucos falam inglês!

Outro ponto positivo é que o aeroporto está dentro da cidade e o ônibus que segue até a estação mais próxima do metrô faz parte do bilhete. Com isso, você pode comprar online aqui e retirar em um dos terminais do aeroporto e começar a usar.
O valor unitário da passagem era de 350 HUF (algo como 1€) e pelo o que eu vi agora em 2019 continua este mesmo valor (confira neste link).

Basicamente, atualizando esses preços dos passes de transporte para jun/2019, temos:
* 24hs por 1650 HUF (algo como 5€)
* 72hs por 4150 HUF (algo como 13€)
* Semanal por 4950HUF (algo como 16€).

  • Walking Tour:

O cartão oferece gratuidade em 2 tipos de tours, organizado pela Cityrama: um no centro da cidade (Classic Pest Walking Tour) às 10hs e outro nas proximidades do castelo (Classic Buda Walking Tour) às 14hs. O valor individual de cada tour em jul/2019 é de 10€ (cada tour).

Faça o seu Seguro Viagem conosco

O seguro saúde viagem é obrigatório na Europa. Use o código TURISTANDOIN5. Com ele você  pode obter até 10% de desconto e ainda ajuda o blog .

  • Museus

Agora em 2019 eles estão oferecendo gratuidades em 19 museus. Para quem tem pouco tempo, indico: Galeria Nacional Húngara (Magyar Nemzeti Galéria) e Museu histórico de Budapeste (Budapesti Történeti Múzeum), ambos no castelo de Budapeste, do lado Buda.
Em Peste, o museu que aconselho é o Museu Nacional Húngaro (Magyar Nemzeti Múzeum). Para quem tem tempo, um pouco distante da zona turística se encontra o Museu de Belas Artes, na entrada do parque Városliget.

Não faz parte do Budapest Card, mas se você veio até aqui, passeie pelo parque em busca do Castelo Vajdahunyad (um pequeno castelo medieval que os húngaros dizem ter sido a “casa de veraneio” do Conde Drácula). Neste parque também se encontra as Termas Széchenyi (Széchenyi Gyógyfürdő és Uszoda).  Para quem viaja com crianças, o zoológico de Budapeste se encontra aqui.

  • Atrações históricas

Quando fui, a torre da igreja de Maria Madalena era apenas uma torre em ruína. Hoje ela se chama Buda Tower e podemos visitá-la. Do alto, uma vista incrível de 360° da cidade. Outra atração gratuita é o Parque Memento (parque das estátuas comunistas).

  • Terma

O cartão oferece descontos que vão de 10% a 30% em 4 tipos diferentes de ônibus Hop on Hop off, em passeios de barco, restaurantes e gratuidade na Termas Lukàcs e descontos em várias outras estações termais.

Quanto economizamos em 2016?

Por conta do Léo e da falta de tempo, acabamos não entrando em todas as atrações, mas de qualquer forma, nossa soma teria dado: 15950 HUF ou 51€ sendo que o valor do cartão de 72 horas era de 33 €.

Lista das atrações Budapest Card 1 O Budapest card vale mesmo a pena?
Lista das atrações oferecidas pelo Budapest Card

Onde comprar o Budapest Card?

Você pode comprar seu Budapest card nos Infopoints da cidade, mas se você for comprá-lo online, faça por este link. Ele é de nosso afiliado (Tiqtes) e recebemos uma comissão a cada compra.

Gosta de nosso conteúdo? Quando for planejar uma viagem, lembre-se da gente:

O Turistando.in vive da ajuda de vocês. Cada vez que você usar um dos links abaixo para planejar sua viagem, a empresa repassa uma parte da comissão para nós. ??
Desta forma, ao reservar um hotel pelo Booking, não use o navegador ou um app. Use um de nossos links aqui no blog. Faça o mesmo quando você decidir alugar um carro, comprar um chip de celular internacional ou algum ingresso onlinefura fila pela Tiqtes ou Get Your Guide.   E para finalizar, não se esqueça de seu Seguro Saúde. Temos parceria com a Seguros Promo e usando o código TURISTANDOIN5 você  pode obter até 10% de desconto.


Aproveite e siga o Turistando.in nas redes sociais e clique no círculo abaixo para salvar este post no Pinterest:

pinterest e social 2 O Budapest card vale mesmo a pena?



About Juliana (www.turistando.in)

Sou a mãe do Léo part-time, professora de italiano (por poucas horinhas), esposa de um pós-doutorando (que me deixa maluca) e, a faz-tudo do Turistando.in! ;)

Deixe aqui teu comentário ou tua dúvida:

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Subscribe  
Notify of
laurasette

Muito boa sua análise para decidir se o Budapest Card vale a pena! Acabei não comprando quando estive por lá em março de 2017, e o que mais fizemos foi bater perna mesmo hehehe
Mas numa próxima visita, para conhecer os museus e tals, vou considerar adquiri-lo.
Obs: os valores do Budapest Card são tããão mais em conta que os do Copenhagen Card (moro em Copenhague), estou chocada! O de 120 horas em Budapeste é mais barato que o de 24 horas em Copenhague! 😮

Fabricio

Não cheguei a comprar, mas é uma opção a mais para que for a Budapeste.

Luis Fernando

Estou em Budapeste e comprei o Budapest Card mas acho que não valeu a pena. Melhor comprar o BigBus que circula pela cidade onde as melhores atrações são ao ar livre e não há ingressos. Depois de alguns museus tudo fica monótono. Ainda mais se vc ja vem de outras cidades como Viena com outros tantos museus. Com o BigBus vc pode fazer uma volta com barco a noite e ver os monumentos iluminados. Compre o BigBus (que da direito ao barco) e o passe de metro(se desejar). Se tiver vontade veja o museu ou atração que mais interessa e… Read more »