Jantarzinho no Black and Blue em Amsterdam

Black and Blue Amsterdam
Gostou? Compartilhe este texto:
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •  

Uma das coisas mais deliciosas de se fazer em Amsterdam é se perder pelas suas ruazinhas. Não sei onde foi que eu marido leu que o bairro Jordaan era superbacana e lá fomos nós. Nos embrenhamos pelas ruas e canais e tivemos um início de noite bastante agradável. Em um certo momento, claro, ficamos com fome e entramos em um restaurante bonitinho que encontramos perto da casa da Anne Frank, o Black and Blue Amsterdam Steakhouse.

Black and Blu Steakhouse Amsterdam
O chope La Trappe

Já era tarde e o restaurante parecia lotado. Prontamente nos atenderam. Mostramos que estávamos com um carrinho bebê e nos disseram para aguardar uns 5 minutos.

Tiramos o Léo do carrinho, o Thiago o pegou no colo e observamos as bebidas no bar. Como esses 5 minutos poderiam ser 10, pedimos um chope La Trappe de tipo Trappist e, antes mesmo da barlady nos dar o chope, nos avisaram que nossa mesa estava pronta.

Por sorte, ficamos em um local ótimo.

A nossa mesa estava no canto do mezanino. Desta forma, eu tinha a visão da parte de cima e de baixo (podendo tirar algumas fotos do local sem ninguém perceber) e o Léo atrapalhava apenas os vizinhos da mesa do lado.

Apesar do ambiente ser descontraído, com clima bem romântico, luz baixa e velas,  além de nós, haviam outras famílias com suas crianças e mesas cheias de amigos celebrando alguma coisa.

Bom, assim que nos trouxeram a cadeirinha para colocarmos o Léo (e água quente para esquentarmos a papinha dele), pedimos sugestão de prato. Pensamos em uma entradinha e nos aconselharam um Beef Tartare (carne 100% Angus  9,5€) e Grilled Scallops (12,50 € ).

Aceitamos. Para beber, queríamos vinho e pedimos sugestão de algum que combinasse com o que havíamos pedido. Nos trouxeram um copo de um vinho branco espanhol muito bom (Rueda Verdejo – Diez Siglos).

Eu comecei com o Steak Tartare e terminei com o peixe (eu e o Thi sempre dividimos nossos pratos).
Ambos saborosos, mas o tartare… mamma mia!
O que me surpreendeu foi ter recebido o prato sem a tradicional gema, porém, com um bolinho empanado. Ao cortar o bolinho, descubro que era um ovo meio cru e empanado!

O peixe também estava gostoso com um tempero bem suave e uma textura bem agradável..

Assim que terminamos a nossa entradinha, a garçonete (que corria para lá e para cá! Incrível a correria das meninas) perguntou se também queríamos sugestões para o prato principal e dissemos que sim.
Para mim, ela sugeriu o catch of the day, que era um peixe chamado Mullets Fillet e como meu marido queria carne, ela sugeriu o Steak Black and Blue.
Para acompanhar o meu peixe, um vinho sul africano Vanilla Chardonnay (que tinha sim um leve aroma de baunilha) da casa Weltervrede e para acompanhar o steak, um Carmenérè chileno da Vina Cono Sur.

Assim que chegaram nossos pratos, chegaram juntos uma cestinha com fritas e outra com saladinha.
O meu peixe estava divino e super combinou com o vinho sul africano
O Thi se acabou no grosso pedaço de carne. Eu confesso que não consegui comer toda metade da carne. Estava sim muito saborosa, mas muito al sangue para o meu paladar. O vinho chileno dele era bom, mas não tanto quanto o sul-africano.

Por fim, a sobremesa!

Os nomes são curiosos e, chocólatra que sou, quis o Death by Chocolate, uma versão do nosso petit gateau, mas com frutas vermelhas.
O Thi ficou com o French Toast from Sugarbread, que vinha um pão macio passado no açúcar e canela (a nossa famosa rabanada) e uma bola de sorvete de canela (uma ideia fantástica! Alguém já viu isso no Brasil?????).

E para acompanhar, chá (o meu de hortelã e do Thi de camomila), que vinha junto um pequeno macarron.

Por fim, acabada a noite, saímos caminhando pelas ruas de Amsterdam! O dia seguinte foi o dia dos museus!

 


Gostou? Compartilhe este texto:
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •  

Antes de viajar, não se esqueça de fazer o seu seguro viagem conosco. Use o cupom TURISTANDOIN5 e receba 5% de desconto. Aproveite e faça a reserva de hotel e do aluguel de carro conosco. Se quiser, entre em contato conosco. Fazemos todas as reservas de tua viagem gratuitamente.


About Juliana (www.turistando.in)

Sou a mãe do Léo quase full-time, professora de italiano (por algumas horinhas), esposa de um doutorando (que me deixa maluca) e, claro, a faz-tudo do Turistando.in!

Gostou? Tem dúvidas? Nos deixe uma mensagem: