5 dias na Holanda (Roterdã-Amsterdã-Haia-Kinderdijk)

5 dias na Holanda
Gostou? Compartilhe este texto:
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •  

5 dias na Holanda (Roterdã-Amsterdã-Haia-Kinderdijk)

Antes de irmos para a Alemanha, ficamos 5 dias na Holanda; Segue abaixo o meu roteiro

Voo:

Voamos pela KLM e tivemos opiniões diferentes. Na ida, diria que a empresa foi ok! Espaços pequenos entre as poltronas, comidinha básica, café da manhã super estranho, stroopwafel na madrugada e ótima seleção individual de filmes, desenhos e música.

A volta nos surpreendeu. O voo era diurno e o avião era um KLM Asia. Estávamos sentados com o Léo, aguardando a entrada no avião, quando uma das atendentes veio até nós e disse para entrarmos na fila preferencial que o embarque iria iniciar. Por diversas vezes os atendentes vieram falar conosco durante o voo, perguntando se queríamos algo e ofereceu papinha doce e salgada para o Léo (na ida não ofereceram nada). A refeição foi bem melhor e em mais quantidades que o da ida (talvez por ser diurno). Tivemos também a impressão do espaço entre os bancos ser maior. Mas pode ser apenas impressão!

Valor: R$ 2,541.56 por passageiro (promoção Dreamsale porém com dólar alto).
Vantagem: A KLM dá a possibilidade de fazer uma longa escala gratuita (que também pode significar um outro voo grátis dentro da Europa).
Nós fizemos 5 dias na Holanda antes de partir para Berlim. Uma amiga está viajando amanhã para a Holanda e, para aproveitar essa escala, passará 2 dias em Praga! 😉

Transporte:

Os trens na Holanda (empresa Netherlands Railways) são realmente bons, mas com pouco espaço para quem está com muitas malas e carrinho de bebê. Precisa estar atento aos vagões com o símbolo de cadeirante/carrinho de bebê/bicicleta. Além de rápidos e pontuais, tem wi-fi grátis!
Não achei os preços pelo site oficial, mas por esse aqui dá para ter uma ideia.

Aeroporto – Roterdã Central: € 21 ida  + € 1 do cartão
Roterdã – Haia:  € 9.4 ida e volta + € 1 do cartão
Roterdã – Kinderdijk:  € 4.4 ida (não sabíamos da opção ida e volta)  + € 1 do cartão até a estação Rotterdam Lombardijen e mais 8€ ida e volta com o ônibus 90
Roterdã Blaak– Amsterdam: € 14,80 ida  + € 1 do cartão
Amsterdam – aeroporto:  € 4,10 ida  + € 1 do cartão

 

Hospedagem:

Roterdã: Ficamos no StayOkay, que se encontra dentro dos cubos. Uma opção econômica e superinteressante, além de muito bem localizado. Preços vão de 19€ o dormitório até 69 € o quarto de casal.

Amsterdã: Ficamos no ClinkNoord, que se encontra perto da estação central. O hostel é novo, super limpo e que nos deu a sensação de um hotel descolado e não de um hostel.
Preços vão de 18€ o dormitório até 94 € o quarto de casal.

City Pass

  • Rotterdam Welcome-Card: O mais econômico de todos. Escolhemos o de 3 dias, pois no nosso 3° dia iríamos para Amsterdam mais ainda iríamos precisar dele. E já o usamos na nossa chegada (o compre na estação central).
    Ele oferece descontos nos museus e atrações e 100% de desconto no uso do transporte público da cidade. Tem na opção 1, 2 ou 3 dias e vai de 10€ até €17,50. É praticamente o mesmo valor do passe de ônibus, mas sem o direito aos descontos.
  • The Hague-Delft card: Tem muita coisa para se fazer em Haia e o cartão ainda inclui a cidade vizinha de Delft. Infelizmente chegamos tarde demais e fizemos apenas o museu Mauritshuis e o Escher in het paleis, mas o cartão também dá a possibilidade de usar meios de transporte grátis por um dia.
    Custa € 45 (no site mostra o preço de cada atração inclusa).
  •  IAmsterdam Card: Outro cartão que vale a pena se você tiver interesse em museus e está afim de pegar os bondes da cidade. Escolhemos o de 3 dias, mas usamos mesmo apenas 2 dias! Ele oferece 100% de descontos em vários museus, mais o uso de meio de transporte pela cidade (preços individuais) e até mesmo um passeio de barco pelos canais (veja aqui tudo o que está incluso).
    Tem na opção 1, 2 ou 3 dias e vai de 49€ até €69.

Observação: preços de outubro/2015

Museus

O país está cheio de ótimas opções e, para quem curte, a tarefa mais difícil é escolher em quais ir.

  • Haia: Fomos no museu do Escher in het paleis (€ 9 – grátis com o Haia/Delft card) e no Mauritshuis (€ 14 – grátis com o Haia/Delft card), mas se tivéssemos mais tempo, teríamos ido no Panorama Mesdag e no museu Gemeentemuseum.
    Para quem tem crianças, uma dica é a cidade em miniatura (Madurodam) e no verão, a praia (Scheveningen).
  • Amsterdã: Fomos no museu do Van Gogh (€ 17 sem multimídia – € 22 com  – grátis com o IAmsterdam card) e no Rijksmuseum (€ 17,50 – desconto de €3,50 com o IAmsterdam card).
    Tínhamos planos de conhecer a casa da Anne Frank (€ 9,50 com a taxa de reserva online), a casa do Rembrandt (€ 12,50 – grátis com o IAmsterdam card) e de entrar no Hermitage (€ 15 – grátis com o IAmsterdam card).
    Mas não rolou!

Para saber mais sobre esses museus, cliquem no nome do museu em laranja.

Restaurantes

Infelizmente nossos 5 dias foram bem corridos e não fomos em muitos restaurantes. Para agilizar e economizar, passamos no mercado e compramos lanchinhos e suco. As fomos em alguns locais:

Roterdã:

    • New Fork: Comemos aqui uma sopinha quente e um lanche maravilhoso que super recomendo. O local vende lanches, sucos e sopas naturais, mas não necessariamente vegetariano. Tem bastante mesas e wi-fi grátis.
    • Bran Ladage: Encontramos essa loja em um grande quiosque no meio de um calçadão. Compramos batata frita com molho de amendoim picante! Há, claro, outras opções!
    • Kebab: Não sei o nome do local, mas o kebab entre as Casas Cubo e a estação Blaak não me agradou por nada! A pizza então… super sem graça!
    • Markthal: aqui vale a pena dar uma olhada. Há vários locais bacanas para comer, comprar frutas e até mesmo um saboroso waffle!

 

Kinderdijk:

Mais pela curiosidade, acabamos comendo um hot dog de um senhor que estava parado em frente à entrada do museu. Apesar de simples (pagamos € 1,50) era muito gostoso.

Amsterdã:

  • Black and Blue Steakhouse: foi o único restaurante que entramos e nos demos o luxo. Apesar do nome, também há peixes no cardápio e a carta de vinho é boa! Vimos pessoas que entraram lá apenas para a sobremesa!  Um local que vale a pena!
  • Olive and Cookie: nos indicaram esse localzinho familiar nas redondezas do museu Van Gogh por ser muito gostoso e simples ao mesmo tempo, mas tivemos o azar de chegarmos lá e eles estarem fechados. Pelo o que entendemos, a dona passou mal e não abriu o local.

O Idioma

Todos falam um ótimo inglês. Era até banal perguntar para alguém na rua o famoso “Do you speak english?”.  A resposta normalmente era: “Of Course!”.
Ouvíamos alguns “a little bit” e essa era a resposta do estrangeiro que trabalhava por lá!

Acessibilidade (cadeiras de roda e carrinhos de bebê)

Neste quesito, diria que a Holanda está de parabéns!
Em todos os locais que fomos, haviam elevadores, inclusive nas estações e guias rebaixadas. Os bondes e ônibus também tinham espaços reservados para cadeira e carrinhos. A ùnica falha fica para os trens, com suas escadinhas chatas e seu espaço limitado para deixar os carrinhos e cadeiras. Não eram todos, mas uma boa parte tivemos que levantar em dois o carrinho (porém, com o tempo, descobrimos que haviam portas para bicicletas, para carrinho e para cadeirantes. Talvez os vagões que encontramos sem a escadinha, era o vagão para cadeirante).

Mas muita atenção: Para quem vai para Amsterdam, todo cuidado com os ciclistas é pouco! Eles vem em bando, em velocidade e às vezes, invadindo a calçada de pedestres!

Internet wi-fi grátis

Outro ponto super positivo! Em todo canto que fomos, tinha wi-fi grátis! Em museu, na rua, no trem :)! Todo canto achávamos wi-fi! E para se logar, apenas entrar com a senha do FB, Twitter ou email!
Fantástico!

 

 


Gostou? Compartilhe este texto:
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •  
  •   
  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Antes de viajar, não se esqueça de fazer o seu seguro viagem conosco. Use o cupom TURISTANDOIN5 e receba 5% de desconto. Aproveite e faça a reserva de hotel e do aluguel de carro conosco. Se quiser, entre em contato conosco. Fazemos todas as reservas de tua viagem gratuitamente.


About Juliana (www.turistando.in)

Sou a mãe do Léo quase full-time, professora de italiano (por algumas horinhas), esposa de um doutorando (que me deixa maluca) e, claro, a faz-tudo do Turistando.in!

Gostou? Tem dúvidas? Nos deixe uma mensagem: